Terça-feira, 02 de Junho de 2020
Unimed corona

PolíticaDefensoria quer saber como o Governo de MT se estrutura para combater à Covid-19

Postado 2 meses atrás Fonte: marcia oliveira

Os defensores públicos do Grupo de Atuação Estratégica em Defesa da Saúde (Gaedic) da Defensoria de Mato Grosso instauraram procedimento administrativo preliminar para acompanhar as providências tomadas pelo Executivo estadual para estruturar o Sistema Único de Saúde (SUS) com leitos, insumos e profissionais, para o atendimento de doentes da Covid-19.

Ofícios foram enviados ao Governo do Estado solicitando informações sobre se foram feitos repasses extras pelo governo federal para custear ações e serviços de média e alta complexidades; se sim, quais os valores; quais medidas de suporte da rede estadual hospitalar o Estado adotou; quais unidades do estado oferecem leitos de Unidade Intensiva de Tratamento (UTI) para pacientes que adoecerem, quantos leitos serão disponibilizados para esse atendimento e onde.

Ao todo foram listados 26 questionamentos relacionados às providências que estão sendo tomadas para atender aos doentes do coronavírus, em Mato Grosso, em nível estadual e municipal, e levantar informações sobre a aquisição de medicamentos, aquisição de equipamentos de proteção individual (EPIs), se há um plano para o atendimento emergencial em relação ao coronavírus, entre outros.

“Pela experiência em nosso trabalho, pela lógica e pelas estatísticas, sabemos que a estrutura do SUS em Mato Grosso é precária e o sistema hospitalar já trabalha no limite em condições normais. Para evitar que insumos, estrutura e profissionais, não sejam organizados antes do número de casos subir no Estado, optamos em verificar como o Executivo está lidando com a situação”, explica o coordenador do Gaedic Saúde, Jardel Marquez.

Para ler a íntegra do procedimento, clique aqui.

Comentários

Os comentários não representam a opnião do jornal; a responsabilidade é do autor da menasgem.