NEWS CUIABÁ
Últimas Notícias Mato Grosso Política Artigos Esportes Economia Variedades Meio Ambiente Brasil Mundo

/ Meio Ambiente

26/11/2018 - 21h10
Imprimir

Reportagens apontam riscos de construção indiscriminada de hidrelétricas para meio ambiente em MT

Fonte: ASSESSORIA
A+ A-
Foto: REPRODUÇÃO

O curso sobre a construção indiscriminada de hidrelétricas em Mato
Grosso realizado no último dia 16 na UFMT mostrou que o tema continua
atual e alertou para a urgência da tomada de decisões acerca da
necessidade das barragens em face dos interesses econômicos, como
apontou o especialista e Prêmio Nobel da Paz Dr. Philip Martin
Fearnside. Recentes reportagens apontam os prejuízos já causados ao meio
ambiente, populações indígenas e aos municípios envolvidos.

O curso “Bioética Ambiental: Modelagem dos Cálculos referentes às PCHS e
UHE e seus impactos externos” foi realizado pela Escola Superior do
Ministério Público (FESMP-MT) em parceria com o Núcleo de Estudos
Científicos sobre as Vulnerabilidades (NEVU) da Faculdade de Direito da
UFMT‚ coordenado pela professora Amini Haddad Campos‚ a Rede de Pesquisa
de Direito Civil Contemporâneo‚ liderada pelo professor Carlos Eduardo
Silva Souza e o Programa de Pós-graduação em Direito.

Programas de TV

Duas emissoras de TV de Cuiabá apontaram impactos da construção da Usina
Hidrelétrica em Sinop, com atuação do Ministério Público do Estado que
apontou inúmeras irregularidades na documentação; e as consequências do
aquecimento global para o estado. Confira abaixo.

SBT Cuiabá – programa SBT Comunidade exibido em 5/11/18, repórter
Ricardo Ridel - MPE denuncia impactos da Usina UHE Sinop
https://www.youtube.com/watch?v=FavpsHQ6kfY

TV Vila Real - programa Jornal do Meio Dia exibido em 16/11/18, repórter
Antônio Carlos Silva - MT poderá ser atingido fortemente pelo
aquecimento global
https://www.youtube.com/watch?v=XagZwj8wdgE&feature=youtu.be

Desmatamento ameaça áreas protegidas

A Agência Brasil EBC publicou no último dia 18 de novembro que de
janeiro a setembro deste ano cerca de 100 mil hectares de floresta foram
destruídos na Bacia do Rio Xingu, segundo monitoramento via satélite.

Na Terra Indígena Cachoeira Seca do Iriri, estão previstas a construção
de duas bases de vigilância - Base Operativa Cachoeira Seca e o Posto de
Vigilância Rio das Pedras - nas proximidades da rodovia BR-230 para
evitar o desmatamento e como uma das condicionantes estipulada em 2009
para instalação da Usina Hidrelétrica de Belo Monte. Passados oito anos
da instalação da usina, as bases não foram construídas.
 

  Últimas

26/11/2018 - 21h10
Rede de Hotéis Mato Grosso comemora o Dia Mundial da Água
26/11/2018 - 21h10
Biblioteca da Sema detêm o maior acervo de material ambiental de Mato Grosso
26/11/2018 - 21h10
Usina Sinop terá que pagar multa milionária por dano ambiental
26/11/2018 - 21h10
170 lascas são apreendidas pela polícia
26/11/2018 - 21h10
Acordo prevê implantação de voucher eletrônico em Nobres
© 2011 - Todos os direitos resevados a News Cuiabá
Fale conosco: contato@newscuiaba.com.br
JobDigital