NEWS CUIABÁ
Últimas Notícias Mato Grosso Política Artigos Esportes Economia Variedades Meio Ambiente Brasil Mundo

/ Artigos

10/01/2019 - 12h39
Imprimir

Armadilhas que caímos ao estabelecer objetivos e metas

Fonte: Luiz Vicente Dorileo da Silva – SHIPÚ
A+ A-

Sabe com você pode melhorar ainda mais seus resultados em vendas em 2019? Com certeza, entre as respostas vai aparecer: se organizar melhor, fazer planejamento e definir metas.
Neste artigo, vou aproveitar para falar sobre esse assunto. E para isso, a primeira coisa a fazer e avaliar e tentar descobrir o que te atrapalhou a não chegar nos resultados que você pretendia no período anterior.
Mas, antes de mais nada, é importante relembrar que metas são diferentes de objetivos.
Começando pelos objetivos, devemos lembrar que esses não são específicos e por isso são vagos. Por exemplo: “quero vender mais” ou “quero emagrecer”, mas, eles são importantes, pois, mostram a nossa intenção, ou seja, o caminho que queremos seguir.
Já as metas, essas são específicas. Pegando os exemplos citados acima, esses seriam metas quando eu defino e especifico o que realmente quero alcançar. Por exemplo: “Quero faturar R$ 150.000,00 em janeiro” ou “quero perder 6 quilos em quatro meses”. Assim, o que era objetivo virou uma meta. Basicamente, é o objetivo específico e bem definido (geralmente um número) junto com a data que desejo alcançar.
Parece fácil, mais existe muitas armadilhas que nos fazem errar ao estabelecer metas, abaixo vou citar alguns:
1. Traçar apenas objetivos e não metas;
2. Buscar por objetivos que na verdade não são seus, o que destrói o engajamento e a motivação para atingi-los;
3. Não estabelecer metas para todas as áreas da sua vida, é preciso lidar com o todo (profissional, saúde, família, financeira, espiritual e etc...);
4. Estabelecer apenas metas negativas do tipo “não quero ser gordo”, melhor seria, “quero perder X quilos até x/x/xxxx”;
5. Não fazer um plano de ação e não identificar os passos necessários para atingir o objetivo;
6. Fazer o planejamento, mas, não colocar em prática;
7. Não estar preparado mentalmente para as dificuldades que encontrará pelo caminho;
8. Ficar com medo de fracassar ou ser rejeitado se não conseguir alcançar o resultado desejado;
9. Ser acomodado com a situação (tá ruim, mas, podia ser pior!);
10. Não ter confiança no seu talento e acreditar que consiga alcançar metas ambiciosas e acabam por desistir antes mesmo de começar.
11. Medo de assumir responsabilidade e com isso ter que abrir mão de alguma coisa.
Essa lista poderia continuar, mas, vou parando por aqui e deixando para você a tarefa de verificar se em suas metas para 2019 você pode ter se equivocado e caído em alguma dessas armadilhas.
Que em 2019, você estabeleça metas melhores, cresça se desfiando e consiga alcançar todos os objetivos que se propôs.
Feliz 2019!

 

Luiz Vicente Dorileo da Silva – “SHIPU”, palestrante, consultor formado em administração com MBA Executivo Internacional e especialista em Marketing. shipumt@hotmail.com

 

  Últimas

10/01/2019 - 12h39
Santa Casa: um problema de todos
10/01/2019 - 12h39
Crianças com Síndrome de Down e a escola: estímulo é a palavra chave
10/01/2019 - 12h39
Taxação do Uber interessa a quem?
10/01/2019 - 12h39
Sou servidor público sim e trabalho direito
10/01/2019 - 12h39
O novo e o velho na política
© 2011 - Todos os direitos resevados a News Cuiabá
Fale conosco: contato@newscuiaba.com.br
JobDigital