NEWS CUIABÁ
Últimas Notícias Mato Grosso Política Artigos Esportes Economia Variedades Meio Ambiente Brasil Mundo

/ Artigos

02/07/2018 - 11h12
Imprimir

Quero ser vice do Lula, ora bolas!

Fonte: Ubiratan Braga
A+ A-

Aqui uma equação para todos os graus: "se Lula preso lidera a corrida sucessória presidencial, em outubro ganhando, ele pode ser diplomado e assumir o controle ou é o seu vice o dono da vaga em 2019? Essa ideia está exatamente direcionada ao vice e \´depois a gente dá um jeito\´? O que faz com que ele tenha esse direito após ser condenado, preso e ter uma estrutura paralela agindo aqui fora em seu favor? O que faz com os presos lá de dentro mandem aqui fora? Quem é besta oficial: a justiça eleitoral, os legisladores que não fecham as brechas ou os eleitores? De quem é a culpa? Sabe de queeeeeeeeeem? (indagaria Luiz Antônio, narrador da Globo )

No campo jurídico ampliam-se as jurisprudências com essas interpretações ímpares e mais uma infinidade de possibilidades. Pela coragem de Lula e seus zagueiros, qualquer ladrão de galinha, puxador de carro, estelionatário, traficante de drogas, formador de quadrilha, estuprador, assassinos, ao meu ver todos tem o mesmo pseudo direito senão a Constituição não estamparia: todos são iguais perante a lei e o pior: essa não é a brecha pela qual lutam.

O que me irrita com isso é um ex presidente preso \´gozar\´ na cara do povo e mais: usa esses incautos encarnados e ainda tira sarro do corpo policial federal tutelador, que em tempo se sente mal com seu inquilino enquanto a própria sociedade exclui o semi preso de tornozeleira de tais prerrogativas. É como sempre digo: "Tem coisas que só o real faz por você". Cadê a justiça imparcial gente?

No campo eleitoral, responde aqui doutor: estou livre, não tenho processo, cumpro todos os requisitos para a justiça do voto, tenho respaldo popular, sou alfabetizado, tenho todos os dedos, não sou aposentado e por isso quero ser o vice de Lula.

Eu posso, certo, porque cumpro todos os requisitos e Lula não mais. "Procure um partido". É isso mesmo o que qualquer consultor político me sugeriria, pois nada funciona se não for ativado. Exatamente como os ditames no campo policial, se não houver uma reclamação, denuncia, os homens não vão cumprir a medida.

Como as explicações jurídicas não cabem aqui deixo que qualquer especialista se digne a enumerá-las. Por fim, não tenho a grana para tal concorrência, entretanto o efeito que pode sobrar ao vice é algo encantador. É por isso que quero ser vice do Lula. Deixa PT, afinal estou em país onde o pétreo não vem de pedra?

Ubiratan Braga é jornalista, radialista e publicitário em Cuiabá 

  Últimas

02/07/2018 - 11h12
Fim do Exame de Ordem vai à contramão do desejo da sociedade
02/07/2018 - 11h12
A Hidrocefalia do Idoso tem cura?
02/07/2018 - 11h12
De funcionário mirim (office boy) a futuro secretário
02/07/2018 - 11h12
Quebrando o ciclo da violência
02/07/2018 - 11h12
Curto-circuito burocrático
© 2011 - Todos os direitos resevados a News Cuiabá
Fale conosco: contato@newscuiaba.com.br
JobDigital