NEWS CUIABÁ
Últimas Notícias Mato Grosso Política Artigos Esportes Economia Variedades Meio Ambiente Brasil Mundo

/ Política

14/11/2017 - 07h52
Imprimir

Censo Agro 2017 em Lucas do Rio Verde

Fonte: Carolina Matter
A+ A-
Foto: REPRODUÇÃO

Após onze anos, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) está realizando um novo Censo Agropecuário no país. A coleta de dados começou em outubro e será feita por 19 mil recenseadores em mais de 5,5 milhões de estabelecimentos agropecuários em todo o Brasil nos próximos meses.

O objetivo é traçar um perfil detalhado da atividade rural e das famílias que vivem no campo. “O último censo no setor foi em 2006. Já faz mais de 10 anos e de lá pra cá, muita coisa mudou, é um setor muito dinâmico, incorporou muitas tecnologias e inovações. E o censo agropecuário vai trazer esse retrato atual”, explica o gerente de Planejamento e Supervisão da unidade IBGE em Mato Grosso, Pedro Nesse.

De acordo com ele, em Mato Grosso serão visitadas de 130 a 150 mil propriedades e em Lucas do Rio Verde, com base nos dados da pesquisa anterior, serão mais de 370 propriedades.

“O Censo Agro visita todas as propriedade rurais e a gente pede que as pessoas recebam os recenseadores, tendo em vista a importância dessa informação. Esta é a única pesquisa estatística agropecuária que visita todos os produtores. O Mato Grosso é o estado mais importante pro Brasil nesta pesquisa, pois responde a mais de 26% de toda safra brasileira de grãos e um produtor fora desta pesquisa pode significar muito”, ressalta Pedro Nesse.

Para cada produtor, são feitas 42 perguntas básicas. Mas dependendo da diversificação da propriedade, o leque de perguntas pode se abrir e passar de 100. Nas entrevistas, são levantadas informações sobre área, produção, características do pessoal ocupado, emprego de irrigação, uso de agrotóxicos, entre outros temas.

A coleta de dados para o Censo Agro 2017 é feita de forma digital, por meio dos Dispositivos Móveis de Coleta (DMCs), que rodam um aplicativo inteiramente desenvolvido pela Diretoria de Informática do IBGE e são capazes de mostrar a imagem do setor censitário, a posição do recenseador no terreno e os endereços dos estabelecimentos a serem recenseados. Com a tecnologia, também será possível identificar novos estabelecimentos e cadastrá-los. O novo sistema também vai melhorar a crítica dos dados, orientando os recenseadores durante a coleta, para que o questionário seja preenchido de forma correta.

O Censo Agropecuário 2017 também vai subsidiar a implantação do cadastro de estabelecimentos agropecuários e do Sistema Nacional de Pesquisas Agropecuárias, que permitirá a criação da Pesquisa Nacional por Amostra de Estabelecimentos Agropecuários.

A pesquisa irá a campo anualmente captar dados detalhados sobre receitas e despesas na produção, crédito e seguro rural, proteção de mananciais, conservação da fauna e flora, uso de agrotóxicos, técnicas de produção, além da situação social e familiar dos trabalhadores do campo.

Quanto à divulgação dos dados, o gerente explica que existe legislação que proíbe o IBGE de repassar informação individual para qualquer pessoa ou órgão. “Precisamos que os produtores repassem as informações com clareza todas as atividades de sua propriedade e tenha a segurança de que esta informação, em hipótese nenhuma, será repassada a órgãos ou empresas particulares”, salientou.

Segundo o secretário de Agricultura e Meio Ambiente de Lucas do Rio Verde, Márcio Albieri, a pesquisa vai apresentar informações precisas sobre o setor que vão auxiliar no planejamento de ações e projetos do poder público. “O censo vai verificar tanto grandes produtores até a agricultura familiar, como produzem, quantas são, como trabalham, tudo será descrito em detalhes e números, e tais informações serão úteis para a definição de políticas públicas e de estratégias para o crescimento do setor agropecuário no município”.

A coleta de dados do Censo Agro 2017 vai até o final de fevereiro do ano que vem e os resultados devem começar a ser divulgados pelo IBGE a partir do segundo semestre de 2018.

 

  Últimas

14/11/2017 - 07h52
DAE VG troca equipamentos da ETA e interrompe fornecimento de água dias 21 e 22
14/11/2017 - 07h52
Festival Bar em Bar celebra comida de boteco em Cuiabá e Chapada dos Guimarães
14/11/2017 - 07h52
Creche Municipal Menino Jesus promove encerramento de projeto sobre preservação
14/11/2017 - 07h52
Presidente da AMM e prefeitos vão participar de mobilização em Brasília
14/11/2017 - 07h52
Prefeitura de Sinop regulamenta o processo de readaptação funcional dos servidores públicos
© 2011 - Todos os direitos resevados a News Cuiabá
Fale conosco: contato@newscuiaba.com.br
JobDigital